quarta-feira, 3 de setembro de 2014

TRIUMPH APROVEITA A ONDA DOS ANOS 70

A Inglesa Triumph, no mundo e também no Brasil, não perde tempo e aproveita o bom momento de influencia dos anos 60 e 70 na moda e hábitos de consumo dos dias atuais!

Ela sabe como fazer, pois era uma das estrelas daqueles tempos. Não são replicas modernas, são atualizações de modelos clássicos, como eles mesmos afirmam:

"não se trata do que acrescentamos a estas motos clássicas e emblemáticas ao longo dos anos. Trata-se do que não tiramos..."

São mitos sobre rodas, motos que possivelmente nossos pais sonharam em algum momento, nós, atuais "quarentões" éramos apenas crianças quando elas gritavam pelas rodovias londrinas!  Pra mim, fazem muito mais sentido, foram mais presentes em nossa cultura do que as americanas (Harley, Indian etc) e a febre de custons cromadas e reluzentes que apareceram por aqui na década de 1990...

Fato é que estão ai, os modelos Boneville e Thruxton  por um preço coerente (pouco mais do que se pagaria por uma CB750 da década de 70 em perfeito estado)...  uma opção muito legal pra quem quer curtir toda o clima dos anos 60/70 em duas rodas e não quer assumir a responsabilidade de manter uma moto de 40 anos de idade!  Legal pra quem quer usar no dia a dia, quer viajar, com muita personalidade, sem abrir mão de itens de segurança e conforto como injeção eletrônica, aros de alumínio, freios à disco na dianteira e traseira, pneus sem câmera e etc...

A moto é moderna, mas os cuidados nos detalhes são intensos...note nesta imagem, que a inscrição "Triumph" no banco da Bonneville está amarelada...  envelhecida... pois é, a moto é zero km! Essa "pática artificial" demonstra o capricho na caracterização dos modelos.



Triumph Thruxton

Triumph Thruxton


Triumph Thruxton - a café racer!!!

Triumph Bonneville SE
Triumph Bonneville T100

Agora mesmo, só nos falta ver aqui no Brasil a Triumph Scrambler!!! maravilhosa!!!

Thiumph Scambler - escapamentos altos, pneus off road...diversão garantida em terrenos diversos!


curtiu essa matéria?  dê uma olhada na nossa seção de clássicas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário