sábado, 13 de junho de 2015

Clássicas SIM, Custom NÃO!




Recentemente fizemos uma enquete entre os leitores de nosso site e notamos que, entre diversos estilos de motocicletas, Custom e Chopper não foram sequer votadas por nossos leitores, por não estarem entre suas favoritas!

Quando reabriram-se as importações no Brasil em 1991, houve uma enxurrada de motos desse estilo, tanto da tradicional Harley-Davidson, quanto as japonesas "com inspiração" nas chopper e custom Norte Americanas, no entanto, não vingaram...









Talvez a razão esteja no fato de, nossa cultura ser baseada em motos japonesas e europeias, sofrendo pouca influencia Norte Americana, a maior parte vindo de Hollywood.

Em fato houveram Harleys e Indians nos primórdios do motociclismo no Brasil, mas as europeias Ariel, Norton, Ducati, Benelli, BSA, Triumph, Royal Enfield eram sem duvida a grande maioria por essas paragens!



Hoje quando pensamos em uma motocicleta antiga, quando usamos o termo vintage, a primeira imagem que vem a cabeça são de motos estilo "naked" ou então "café racer", muito mais alinhados com a cultura brasileira do que as Harley-Davidson e suas dissidentes.Basta ver os lançamentos atuais com referencia a modelos antigos, Bonneville, XJR1300 e por ai vai.

E você?  Tem uma quedinha pelas clássicas Norte Americanas?  ou prefere reviver a nossa história com as japonesas e europeias?

4 comentários:

  1. Não posso falar com conhecimento de causa, pois andei pouco de custom(graças à Deus), mas notei que alguns amigos que tinham, após venderem, não compraram mais motos desse estilo. Nenhum.
    Os que defendem(ou defendiam), cansaram de dar murro em ponta de faca e migraram para outros estilos.
    Ter apenas a bunda de apoio realmente pesa(ou cansa) mesmo.
    O Fer, após dois anos com sua 1100 impecável, está agora com uma nua de 600, que segundo ele, para a viagem que faz regularmente de cerca de 900 km para visitar os pais, ela é bem melhor(e bota melhor nisso, segundo ele), chega inteiro e não quebrado.

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito de motos custom, o problema é que elas pedem estradas perfeitas, coisa que este nosso país praticamente não possui, é bobagem ficar brigando por causa de estilo de moto que se gosta. Que cada um curta as motos que goste e respeite os outros. Falando especificamente de motos americanas, é interessante que os antigos sempre diziam que a Indian era superior em conforto e tecnologia quando comparada a Harley.
    Abração
    Molina

    ResponderExcluir
  3. Convenhamos se você que conforto você não vai atrás de uma custom, vejo meus amigos de estrada que tinha custom tudo trocando por big trails, alem de serem mais potentes muito mais confortável, mais mesmo assim se tivesse uma verba sobrando hoje compraria uma vulcan 650 s achei muito linda e potente para categoria....

    ResponderExcluir
  4. Em minha humilde opinião vejo que motos custom nos grandes centros sempre serão boas escolhas, porem em regiões que as estradas apresentam falhas ou muitos buracos tornam-se um pesadelo.

    ResponderExcluir