Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

Onze anos e uma Honda CG 125 1983 placa preta

Imagem
Para muita gente a motocicleta é apenas um veículo de locomoção ou lazer. Outros são apaixonados pensam e agem diferente dos demais. É o caso do consultor de vendas Eduardo Zilli, morador de Florianópolis (SC).  Orgulhoso, ele postou em sua página do Facebook um relato detalhado para conseguir a placa preta de sua Honda CG 125, ano 1983. Até então nada de especial, porém ele faz questão de manter a moto em família e para isso tomou uma atitude no mínimo curiosa: transferiu o documento para o nome do filho que tinha na época oito anos. Leia o relato apaixonado de Eduardo e saiba mais sobre uma história que uniu três gerações.

Essa CB450 Nelson Piquet foi autografada pelo tricampeão - e pode ser sua!

Imagem
Por alguma razão, as pessoas costumam lembrar de Nelson Piquet primeiro por sua personalidade irreverente, e só depois por seus três títulos mundiais de Formula 1 conquistados em 1981, 1983 e 1987 - todos eles antes de Ayrton Senna, diga-se. Isso é um tanto injusto, pois a carreira de Piquet na Formula 1 foi nada menos que brilhante...


Rush sobre rodas

Imagem
Moto com cara de moto, assim é possível definir a simpática Yamaha SR 400, que tem na simplicidade e carisma as grandes qualidades.

Qual delas te agrada mais?!

Imagem
Pra quem tem mais de uma moto em casa, é difícil responder a essa pergunta.  Seria mais ou menos como perguntar de qual filho um pai gosta mais.

Mas quando estamos em uma exposição de motos podemos "medir" quais agradam mais o publico, quais causam maior curiosidade e maior interesse!  Mesmo assim, fica difícil de quantificar essa preferencia.

Acessórios de época

Imagem
Os acessórios sempre estiveram em moda! Se hoje os motociclistas enlouquecem e investem um valor importante em "manoplas e manetes Rizoma e nas bolhas puig", a bola da vez nos anos 80 eram Circuit, Buffalo e Caramori.
Eu, pra ser bem sincero, não gostava muito de encher as motos de acessórios, não sei por qual razão, mas sempre preferi tudo original. Mas é fato que, hoje em dia, motos clássicas com acessórios de época são muito bem vistas!



O número 1 naqueles tempos era o chamado "mata cachorro" (protetor de motor), que, apesar do nome bizarro, não tinha intenção de matar e muito menos ferir os cães (muito embora acredito que o nome não deva ter surgido por acaso) - sua função era de manter o motor da motocicleta longe do solo em caso de uma queda.

As crianças e as motocicletas...

Imagem
A minha geração tinha, na moto, um objeto de desejo.

Existiam outros objetivos importantes, uma guitarra por exemplo para alguns, carro naturalmente para outros, mas a moto era bem aceita pois era a evolução natural da bicicleta, simbolo de liberdade e rebeldia - que combinava exatamente com o momento em que vivíamos.

Mas e hoje? Como ficou?